free web hit counter

Após ser acusado de estupro, prefeito de Santiago Tiangistenco pede licença



O prefeito de Santiago Tiangistenco, Diego Moreno, pediu permissão para deixar o cargo de prefeito, após ser acusado de estuprar uma trabalhadora de sua administração.

(Foto: Privado).

Por meio de comunicado datado de 13 de novembro enviado ao Cabildo, Diego alegou que sua separação temporária foi para “cuidar de assuntos pessoais”.

Além disso, o Secretário-Geral instruiu a Câmara Municipal a tomar as medidas necessárias para aderir ao ordenamento jurídico.

Recorde-se que há algumas semanas Ingrid N., que trabalhava na Câmara Municipal de Santiago Tiangistenco, denunciou que o autarca a tinha agredido sexualmente, o que motivou a emissão de um mandado de prisão contra ela.

Mas ele denunciou o fracasso em implementar isso. Dias depois, a vítima se reuniu com a Governadora do Estado do México, Delfina Gomez, que afirmou que daria seguimento ao caso.

comentários

comentários