free web hit counter

árvore de Natal



Desde que as árvores de Natal começaram a ser vendidas no município de Xonacatlán, vale a pena examinar as vantagens de ter uma delas em casa ou de plástico. Os naturais são mais bonitos e até elegantes, pois exalam cheiro de pinho, liberam oxigênio e contribuem para a limpeza do ambiente. Além disso, depois de passado o Natal, podem ser plantadas no jardim ou noutro local. A vantagem das árvores de plástico é que são fáceis de transportar, montar, desmontar e armazenar; São isentos de alergénios, reutilizáveis, multifuncionais – com luzes incorporadas – e, em alguns casos, à prova de chamas.

Também é importante deixar claro que ter árvores de Natal não é uma obrigação e não faz parte da nossa tradição local. A sua origem remonta à Alemanha, onde na Idade Média os residentes enfeitavam um carvalho com tochas para celebrar o solstício de inverno e dançavam à sua volta. Assim, o momento que ajudou a divulgá-lo seria a foto da Rainha Vitória e do Príncipe Alberto ao fundo, publicada pelo The Illustrated London News.

Diz-se que a primeira árvore de Natal chegou do México graças a Maximiliano e Carlota em 1864 e instalaram-na no Castelo de Chapultepec. Mais tarde, seu uso se espalhou para áreas urbanas e rurais.

A escolha de uma árvore de Natal depende dos nossos gostos, da praticidade e do valor ou simbolismo que lhe atribuímos, é o significado do Natal que importa. Ou seja, fé, amor, paz e próximo.

comentários

comentários