Foi preso um possível envolvido em um assassinato registrado no Idomex em Puebla



A Procuradoria Geral do Estado do México (FGJEM) prendeu Ramiro “N” no estado de Puebla, acusado de possível interferência no crime de homicídio, nos fatos ocorridos no município mexicano de Tezuyuca.

Os atos acusados ​​foram supostamente cometidos em 11 de agosto de 2020 no município de Tezuyuka.

As investigações conduzidas por esta instituição permitiram comprovar que esta pessoa provavelmente estava escondida no estado de Puebla para evitar o processo de justiça, o que levou a Procuradoria-Geral do México a solicitar a cooperação da Procuradoria-Geral daquela entidade federal para se aventurar no caso dele. Aterra dentro e fora.

Após sua detenção no bairro Bella Vista dessa entidade, foi transferido ao Estado do México e colocado à disposição da autoridade judiciária do Centro Correcional e de Reinserção Social de Texcoco, que determinará sua situação jurídica.

Essa pessoa está sendo investigada por fatos registrados na tarde do dia 11 de agosto de 2020, em frente a uma sorveteria localizada na rua Jardinas, bairro Ejidos de Tequisistlán, em Tezuyuca, onde teria iniciado uma briga com um homem e provavelmente aberto fogo. Com arma de fogo, o que o levou à morte.

A FGJEM iniciou a devida investigação dos fatos e, à medida que avançava, foi possível identificar o possível envolvido, contra o qual foi solicitado mandado de prisão; Mandado de segurança finalizado no estado de Puebla.

O detido deve ser considerado inocente até que seja emitida uma condenação.

comentários

comentários