O Ministério Público protege bens usados ​​como aterro secreto em Naucalpan






Em uma ação conjunta entre a Procuradoria-Geral do Estado do México (FGJEM), a Polícia Municipal de Naucalpan e a Secretaria de Meio Ambiente da Câmara Municipal Local, imóvel utilizado como aterro secreto no bairro de San Francisco Chimalpa, Naucalpan, foi apreendido.

A mobilização ocorreu no bairro San Francisco Chimalpa desta área. (Foto: Privado)

Esta operação foi realizada em resposta a uma denúncia de um cidadão alertando sobre a eliminação ilegal de resíduos sólidos urbanos e resíduos de construção no local conhecido como Cerro Gordo La Palma.

A intervenção resultou na detenção de seis pessoas que descarregavam resíduos de construção e lixo na propriedade, sem obterem as licenças necessárias para a prática desta actividade. Além das apreensões, foram apreendidos dois veículos de transporte de mercadorias e um caminhão utilizado nessas operações. O imóvel em questão também estava segurado, uma vez que não possuía as licenças necessárias para a realização deste tipo de procedimento.

Esta operação enquadra-se nos esforços envidados pelas autoridades para combater a eliminação ilegal de resíduos e, assim, proteger o ambiente e a saúde pública da região.

comentários

comentários






Artigo anterior47 anos de prisão para o responsável pelo assassinato em La Paz
Próximo artigoEles estão ligando a pessoa envolvida no assassinato de Tenango del Valle a julgamento