Quinze pessoas ficaram feridas quando um ônibus municipal bateu em um muro em Valdemoro | Notícias de Madri

Um ônibus municipal carregado de passageiros bateu em um muro na manhã de quarta-feira em Valdemoro (Madrid). O acidente, ocorrido na esquina das ruas Louis Planellis e Sisinia, feriu 15 pessoas que foram atendidas pelo Soma 112. Os mais graves foram um passageiro de 62 anos e um motorista de 58 anos.

Por motivos que estão sendo investigados, o acidente ocorreu por volta das 7h20, quando o motorista do ônibus colidiu com um muro na esquina da Planellis com a Sisinia. Os bombeiros da Comunidade de Madrid intervieram no acidente e tiveram que libertar o motorista. A mulher ficou presa “mecanicamente”, segundo um porta-voz do Centro de Emergência 112 de Madrid. Ele acrescentou: “Seus membros não ficaram presos, mas ele não conseguiu sair do ônibus devido ao estado em que o veículo foi deixado”. Ele explicou que os bombeiros retiraram o volante e o retiraram.

O motorista, de 58 anos, foi transportado em estado grave para o Hospital 12 de Outubro devido a lesões torácicas e abdominais. “Potencialmente graves” significa, em princípio, que não há feridos graves, “mas devido à força do impacto é possível tê-los”, razão pela qual são necessários mais exames para determinar o diagnóstico.

No entanto, o ferido mais grave, segundo o porta-voz, é uma passageira, uma mulher de 62 anos que também foi transportada no dia 12 de outubro. Outros 13 passageiros sofreram ferimentos leves com múltiplas contusões e foram levados a dois centros hospitalares da região, Parla e Valdemoro.

O Grupo de Trânsito da Guarda Civil abriu investigação para esclarecer as circunstâncias do acidente e apurar se o motorista perdeu o controle do ônibus.

O que mais afeta é o que acontece mais próximo. Para não perder nada, inscreva-se.

Participar

Inscreva-se aqui À nossa newsletter diária sobre Madrid.